terça-feira, outubro 4, 2022
Home Justiça Pastor acusado de aplicar golpe de 10 milhões está foragido

Pastor acusado de aplicar golpe de 10 milhões está foragido

Um pastor é acusado de aplicar um golpe imobiliário no estado de Santa Catarina. De acordo com as investigações, o prejuízo pode chegar a R$ 10 milhões.

O acusado é Nilton Weber, que também se apresentava como corretor de imóveis. Em 2019, o pastor abriu uma igreja para passar mais credibilidade.

Segundo informações, Weber procurava dar o golpe em pessoas mais idosas e vulneráveis, e na maioria das vezes, o modus operandi era o mesmo, convencendo as pessoas a permutar seu terreno em troca de um geminado.

Os terrenos eram passados para o nome de Nilton, que começava a construir os geminados, mas nunca terminava e nem passava a escritura para o nome da pessoa que entregou o terreno, até simplesmente fugir.

“Ia enrolando as vítimas com lábia. Ele exercia muita persuasão. Até rezar ao lado da cama da vítima (já doente) ele rezava”, contou o filho de uma das vítimas.

Nilton Weber foi indiciado por estelionato pela Polícia Civil de Joinville. No Tribunal de Justiça, há 64 processos contra ele.

Em 2017, o pastor se aventurou como cantor gospel e chegou a lançar um clipe. Ele está foragido da Justiça de Santa Catarina até o momento.

- Advertisment -

Recentes